Promoção da Saúde

O Programa Nacional de Saúde Escolar (PNSE|2015), instrumento orientador das políticas nacionais, no que à promoção da saúde em meio escolar diz respeito, resultou da necessidade de adequar o anterior PNSE aos novos desafios que se colocam atualmente à saúde da população portuguesa, especialmente de crianças e jovens, e à reorganização dos Serviços de Saúde. O PNSE|2015 foi concebido tendo em conta o Plano Nacional de Saúde 2012-2016 e a sua revisão e extensão a 2020 (PNS), os objetivos e estratégias da Organização Mundial de Saúde (OMS) para a Região Europeia, Health 2020 e os princípios das EPS, School for Health in Europe (SHE). O novo paradigma de intervenção da Saúde Escolar visa contribuir para a obtenção de ganhos em saúde através da promoção de contextos escolares favoráveis à saúde. No quadro conceptual do PNSE|2015, a promoção da saúde, em particular da saúde mental, constitui o núcleo central das intervenções da Saúde Escolar, apoiadas por métodos ativos e trabalho por projeto, que valorizem a promoção de competências sociais e emocionais.

Norma nº 015/2015 de 12/08/2015

A alimentação saudável é um dos determinantes da saúde cuja promoção é considerada prioritária nos programas de Promoção da Saúde dos Ministérios da Saúde e Educação. O Programa Alimentação Saudável em Saúde Escolar (PASSE) está estruturado de forma a cruzar os contributos da Psicologia da Saúde com os da Nutrição e com os da Saúde Pública, permitindo desta forma que a intervenção assuma um carácter multidisciplinar.

Este modelo estruturado permite uma fácil implementação e pressupõe uma visão comunitária da intervenção em saúde escolar.

O grupo alvo principal são os alunos e o objectivo primordial deste programa é que os alunos desenvolvam atitudes e crenças tendentes a opções responsáveis e conscientes, nomeadamente no que se refere às escolhas alimentares. Saber+

 

O PRESSE é o Programa Regional de Educação Sexual em Saúde Escolar promovido pela ARS Norte, I.P., inserido na área funcional de Promoção e Proteção da Saúde do Departamento de Saúde Pública galardoado, em cerimónia decorrida em Singapura, com o Primeiro Prémio de Excelência e Inovação em Educação Sexual, pela Associação Mundial de Saúde Sexual (WAS), após candidatura à categoria de programa governamental.
O PRESSE apoia a implementação da educação sexual nas escolas de uma forma estruturada e sustentada, envolvendo um trabalho conjunto entre profissionais de saúde escolar e professores.
É um programa implementado em escolas públicas e privadas da região Norte, em parceria com a DGEstE Norte inserido nos projetos educativos dos currículos das escolas. O PRESSE assenta na metodologia de projeto e na intervenção interdisciplinar.
É um programa ímpar, com marca registada, cujas caraterísticas de diferenciação são a estrutura e a sustentabilidade bem como o apoio permanente aos profissionais de saúde e educação que o aplicam.

FINALIDADES
• Contribuir para a diminuição de comportamentos de risco e para o aumento dos fatores de proteção em relação à sexualidade, dos alunos da região Norte.
• Contribuir para a inclusão nos projetos educativos e nos currículos das Escolas da região Norte, de um programa de educação sexual estruturado e sustentado.

POPULAÇÃO-ALVO
O PRESSE tem como população-alvo alunos e professores do 1º, 2º, 3º ciclos do ensino básico e ensino secundário, envolvendo também pais, encarregados de educação, pessoal não docente e restante comunidade possuindo todos estes atores um papel ativo no desenvolvimento deste programa. SABER + 

QUEM SOMOS

O Autoestima é um programa de saúde, da responsabilidade da ARS Norte, I.P.. Tem como parceiros fundadores o Instituto da Droga e da Toxicodependência e a Câmara Municipal de Matosinhos sendo co-financiado pela Comissão Europeia. Exerce a sua actividade desde Fevereiro de 1998.

OS PARCEIROS

Instituto da Droga e da Toxicodependência, Câmaras Municipais de Matosinhos, Guimarães, Famalicão e Póvoa do Varzim, ULS Matosinhos EPE, ULS Alto Minho EPE, Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge, Hospital de São Marcos, CNSida, ANF e TAMPEP 8.

A POPULAÇÃO ALVO

Trabalhadores do sexo (rua e interior).

OBJECTIVOS

Aumentar o nível de saúde dos trabalhadores do sexo, protegendo-os do risco de infecção pelo VIH e outras infecções sexualmente transmissíveis;
Aumentar o nível de conhecimentos sobre IST / VIH e sobre medidas de prevenção;
Promover a utilização de preservativos;
Diagnosticar e tratar precocemente IST, cancro do colo do útero e da mama;
Facilitar o acesso aos serviços de saúde e sociais;
Promover o apoio psicológico e jurídico;
Aumentar as taxas de cobertura das vacinas do tétano e hepatite B;
Criar e manter uma base de dados epidemiológica;
Partilhar informação, experiências e metodologias com os parceiros e com outros projectos que trabalham com a mesma população-alvo.

ACTIVIDADES

Contacto de proximidade com os trabalhadores do sexo através de Unidades Móveis;
Atendimento nos Centros de Aconselhamento;
Consulta médica;
Diagnóstico e tratamento de IST;
Planeamento Familiar;
Rastreio do cancro do colo do útero e da mama;
Consulta de enfermagem;
Vacinação (Tétano e Hepatite B);
Consulta de psicologia;
Atendimento de serviço social;
Distribuição de preservativos;
Distribuição de folhetos informativos;
Distribuição e troca de seringas;
Disponibilização de instalações para cuidados de higiéne (chuveiro e lavandaria).

CONSTITUIÇÃO DA EQUIPA DE TRABALHO

Médicos de Saúde Pública
Ginecologistas
Enfermeiros
Psicólogos
Assistentes Sociais
Administrativa
Motoristas
Juristas (consultoria)

ÁREAS GEOGRÁFICAS ABRANGIDAS

Matosinhos, Maia, Zona Industrial do Porto, Vila Nova de Gaia, Santo Tirso, Valongo, Póvoa do Varzim, Vila do Conde, Braga, Viana do Castelo, Barcelos, Guimarães, Vila Nova de Famalicão, Póvoa de Lanhoso, Serra da Lameira, Sandim, Serra da Lustosa.

CENTROS DE ACONSELHAMENTO

MATOSINHOS:
R. Alfredo Cunha nº 367, 4450-021 Matosinhos
Tel.: 22 004 5080
Telem.: 96 471 3374
autoestima_mato@sapo.pt
(aberto de 2ª a 5ª feira das 16:00 às 19:00)

BRAGA:
Praceta de Vilar – S. Vítor, 4700-453 Braga
Tel.. 253 278 206
(aberto de 2ª a 6ª feira das 17:00 às 20:00)

VIANA DO CASTELO:
Centro de Saúde de Darque
Urbanização Cidade Nova, 4900-087 Darque
Tel. 258 320 120
(aberto à 2ª feira das 14:00 às 18:00 e 3ª, 4ª, 5ª, das 12:00 às 13:00)

GUIMARÃES:
Centro de Saúde
R. Dr. José Pinto Rodrigues (Amorosa), 4800-015 Azurém
Tel.. 253 421 340
(aberto à 4ª feira das 16:30 às 20:00 e à 5ª feira das 17:00 às 20:00)

Brochura Programa Autoestima

O programa Autoestima faz parte da rede europeia para a prevenção do VIH / IST e promoção da saúde nos trabalhadores do sexo migrantes – TAMPEP 8

O Despacho n.º 6401/2016 de 16 de maio, do Secretário de Estado Adjunto e da Saúde, determina o desenvolvimento, no âmbito do Plano Nacional de Saúde, de programas de saúde prioritários, sendo a infeção por VIH/Sida uma delas.

O Programa Regional para a Infeção VIH/Sida prevê a implementação, monitorização e avaliação regional das medidas preconizadas pelo Programa Nacional para a Infeção VIH/Sida da Direção-Geral da Saúde, através da conjugação de múltiplas intervenções regionais e locais no âmbito da promoção e proteção da saúde, deteção precoce da infeção e apoio social.

Equipa Técnica: Maria José Santos; Cármen Guimarães.

Departamento de Saúde Pública
Rua Anselmo Braancamp, nº 144, 4000-078 Porto
Tel. 220 411 701 Fax. 220 411 738
vih.dsp@arsnorte.min-saude.pt

 

Voltar
Area Cidadão