Projetos Cofinanciados

Estão em execução no NORTE 2020 (Programa Operacional Regional do Norte 2014-2020) 13 operações promovidas pela ARS NORTE, inseridas na Prioridade de Investimento 9.7. do Acordo de Parceria e no objetivo específico 7.3.1. (Qualificar e adequar a atual rede de serviços e equipamento sociais e de saúde à satisfação das necessidades da população) do Eixo 7 do Programa Operacional.

Os projetos consistem na construção de raiz e remodelação de edifícios para a instalação de unidades de saúde e respetivo apetrechamento, de modo a proporcionar a utentes e profissionais as condições físicas e funcionais necessárias à prestação de cuidados de qualidade e ajustadas à atual arquitetura de organização de cuidados, garantindo a melhoria das condições de gestão para uma resposta às necessidades mais racional e eficiente.

As intervenções abrangem uma população de aproximadamente 150 mil utentes, prevendo-se que, aquando da entrada em funcionamento dos equipamentos, a população abrangida seja coberta em 75% por unidades funcionais a funcionar no modelo de USF.

CONSULTAR FICHAS DOS PROJETOS >>

Estão em execução no COMPETE 2020 (Programa Operacional da Competitividade e Internacionalização) 2 operações promovidas pela ARS NORTE, inseridas na Prioridade de Investimento 2.3. do Acordo de Parceria e no objetivo temático (OT2) Melhorar o acesso às tecnologias da informação e da comunicação, bem como a sua utilização e qualidade  do Eixo 2 (Reforço da competitividade das PME e redução de custos públicos de contexto) do Programa Operacional.

As operações enquadram-se no instrumento de política pública SAMA2020 (Sistema de Apoio à Modernização e Capacitação da Administração Pública) que visa apoiar operações que contribuam para a prossecução dos objetivos temáticos e prioridades de investimento relacionadas com a melhoria do acesso às TIC e com o reforço da capacidade institucional das entidades públicas e das partes interessadas e da própria eficiência da administração pública.

A operação Consolidação e Desmaterialização MCDT na região Norte (e-MCDT) resulta de candidatura submetida ao Aviso 02/SAMA2020/2016, em copromoção com o Centro Hospitalar de Trás os Montes e Ato Douro, E.P.E. (CHTMAD) e com base em protocolo celebrado com a Administração Central do Sistema de Saúde, I.P. (ACSS). O projeto está alinhado com medida do programa Simplex + relativa aos meios complementares de diagnóstico e terapêutica (MCDT) sem papel e tem como objetivo a promoção da ‘administração em rede’, contribuindo para a digitalização e desmaterialização de todo o fluxo inerente a esta área de prestação de cuidados.

O projeto Sistema de Gestão Documental dos Cuidados de Saúde Primários – ARS Norte (G-DocCSP) resulta de candidatura submetida ao Aviso 02/SAMA2020/2016, com base em protoloco celebrado com a Secretaria Geral do Ministério da Saúde. O projeto está alinhado com a medida “Saúde.doc” do Programa Simplex +, que promove a inovação, a desmaterialização de processos e as políticas de modernização e capacitação da Administração Pública, concorrendo para uma maior eficácia e eficiência dos serviços e organismos do Ministério da Saúde.

 

POCI-02-0550-FEDER-022163 – e-MCDT

A Cooperação Territorial Europeia, conhecida pelo acrónimo INTERREG, é um instrumento da União Europeia (UE) para apoiar a cooperação entre parceiros de diferentes Estados-Membros, com o objetivo de promover um desenvolvimento económico, social e territorial harmonioso da União no seu conjunto. Tem três vertentes: a cooperação transfronteiriça (A), a cooperação transnacional (B) e a cooperação interregional (C).

O Programa Interreg Sudoe – um dos 15 programas de cooperação da vertente B –  pretende dar resposta a problemáticas comuns das regiões do sudoeste de Europa, abrangendo todas as comunidades autónomas de Espanha (exceto Canárias), seis regiões do sudoeste de França, todas as regiões continentais de Portugal, Gibraltar e o Principado de Andorra.

O projeto ICTUSnet (Red de excelencia para el desarrollo y la implementación de modelos innovadores de atención integrada del ictus), aprovado no Interreg Sudoe, conta com a participação desta ARS NORTE.  O objetivo geral do projeto é promover a colaboração, estimular a aprendizagem mútua e incitar à inovação nos cuidados integrados no Acidente Vascular Cerebral (AVC), recorrendo à incorporação das novas tecnologias na análise de dados e cooperação, com vista ao aumento do conhecimento sobre fatores de risco e da qualidade dos tratamentos.

Voltar
Area Cidadão