previous arrow
next arrow
Slider

Centro de Reabilitação do Norte

Em 26 de novembro de 2013 foi homologado pelo Senhor Secretário de Estado da Saúde o Acordo de Gestão celebrado entre a ARS Norte e a Santa Casa da Misericórdia do Porto, ao abrigo do Decreto-Lei n.º 138/2013, de 9 de outubro, para a instalação e exploração do Centro de Reabilitação do Norte (CRN), com vista à prestação de cuidados de saúde de Medicina Física e Reabilitação (MFR) na região norte.

O Acordo de Gestão do CRN, cujo prazo inicial era de 3 anos, teve, nos termos do n.º 1 da cláusula 65ª, uma primeira renovação automática de um ano, tendo sido prorrogado, através da Resolução do Conselho de Ministros de 21.12.2017, por mais um ano, caducando definitivamente em 25 de novembro de 2018. Este equipamento está a funcionar desde 2014 e tem já um papel importante na prestação de cuidados de MFR na região norte, tendo realizado em 2016, 12.367 consultas e 732 internamentos, aos quais corresponderam um total de 30.827 diárias.

O CRN tem um papel específico na Rede de Referenciação Hospitalar de Medicina Física e Reabilitação da Região Norte, quer pela necessidade de tempos de intervenção mais prolongados e mais intensivos, nomeadamente em regime de internamento, quer pela elevada complexidade de muitas das situações clínicas que atende. Estas estruturas estão vocacionadas para uma reabilitação ativa, dinâmica e intensiva, com vista a, sempre que possível, uma reintegração familiar, social e profissional plena.

O CRN funciona, na região norte, em articulação com os serviços de MFR das instituições hospitalares, relacionando-se ainda com as diferentes unidades integrantes dos cuidados extra-hospitalares da sua área de intervenção mais direta (unidades de cuidados continuados e de cuidados primários).

Nestes termos, apresenta-se em anexo, a produção e remuneração contratualizada com a respetiva Entidade Gestora para o ano de 2018:

CRN Produção 2018

Voltar
RSE - Area Cidadão
elementum Praesent consequat. libero. quis, elit. vulputate, in consectetur sem,